48ª SESSÃO ORDINÁRIA DE 2020

Ouça a ata eletrônica da sessão remota:  CLIQUE AQUI.

 

Resumo:
 

> LIDO O OFÍCIO Nº 111/2020 E O PROJETO DE LEI ORDINÁRIA Nº 011/2020, DE AUTORIA DO CHEFE DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL, SENDO ENCAMINHADO PARA AS COMISSÕES DE LEGISLAÇÃO E JUSTIÇA E REDAÇÃO DE LEIS DAREM PARECER;

> LIDO O OFÍCIO Nº 116/2020 E O PROJETO DE LEI ORDINÁRIA Nº 012/2020, DE AUTORIA DO CHEFE DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL, SENDO ENCAMINHADO PARA TODAS AS COMISSÕES TÉCNICAS DAREM PARECER;

> LIDAS A INDICAÇÕES Nº 062/2020, 063/2020, 064/2020, 065/2020, 066/2020, 067/2020, 068/2020, 069/2020 E 070/2020, APRESENTADAS PELOS VEREADORES JANE BAUER ARGENTA, LEONÉSIO ANTÔNIO BRUCH E SANDRO SENS E PELO PRESIDENTE MARCELO KUHNEN, SENDO ENCAMINHADAS, PARA AS PROVIDÊNCIAS DO CHEFE DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL, NOS TERMOS DO ARTIGO 135 DO REGIMENTO INTERNO;

O PROJETO DE LEI ORDINÁRIA Nº 008/2020, QUE CRIA E DENOMINA COMO CENTRO CULTURAL O CASARÃO MANOEL PHILIPPI E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS, FOI DISCUTIDO, VOTADO E APROVADO POR UNÂNIMIDADE EM REDAÇÃO FINAL;

> LIDOS OS PARECERES DADOS POR TODAS AS COMISSÕES TÉCNICAS, RELATIVOS AO PROJETO DE LEI ORDINÁRIA Nº 009/2020, SENDO DISCUTIDOS, VOTADOS E APROVADOS POR UNÂNIMIDADE;

> FIZERAM USO DA PALAVRA COM TEMA LIVRE, OS VEREADORES VALDIR ANTONIO MARTINS, JANE BAUER ARGENTA,  SANDRO SENS E O PRESIDENTE DA CASA MARCELO KUHNEN;